Rieu

28/05/2017

Conexão da Semana: No Deserto


Conexão da Semana: No Deserto   

Estamos iniciando o 3o livro da Torá: Números. A porção desta semana descreve um momento em que o Eterno pede a Moisés para contar toda a congregação, em meio a sua caminhada pelo Deserto.

Muitos são os códigos por trás das contagens do censo. É evidente que aquele a que tudo criou não precisava de ninguém para contar as tribos. Mas o censo acontece em um momento fundamental. A contagem possibilitava a cada ser humano lembrar de sua importância, ao mesmo tempo que criava uma identidade de grupo.

Atravessar o deserto não é fácil. É preciso força para iniciar a travessia rumo à uma terra prometida. Não falamos de um lugar geográfico, mas de uma nova dimensão de vida: um estado desperto de consciência.

Nesta semana saímos do isolamento e nos reconhecemos como elementos de um grupo que busca algo relevante e não perecível. Atravessamos o deserto com a certeza de que não estamos sós.

Shalom!
Atenção: Na 2af temos lançamento de nosos novo livro: Cabala, Meditação e Cura em São Paulo, de 18hs as 20Hs. Na 4af, mesmo horário no Rio de Janeiro. E na 3af, 20:15Hs, junto com ritual de oração e cura, vamos transmitir ritual de shavuot online para todos poderem desfrutar desta fenda mágica.  

A seguir a mini-aula da semana: http://www.youtube.com/watch?v=JDF-b-CZ74U

[]s Ian Mecler.         

25/05/2017

LUA NOVA EM GÊMEOS, 25 DE MAIO DE 2017: CONEXÕES CRIATIVAS

É neste momento de transição, e após uma Lua Cheia escorpiônica, de liberação cármica muito intensa, que damos boas-vindas agora a uma estimulante Lua Nova no grau 4 de Gêmeos. Esta é uma Lua Nova não apenas para que nos concentremos nos novos começos, mas para que possamos nos aprofundar em como nos comunicar, com nós mesmos, com nossos entes queridos e com os Reinos Iluminados do Amor, onde nossas almas habitam, e de onde vem a nossa principal orientação.

Gêmeos, regido pelo elemento ar, nosso plano mental, mudando incessantemente, como sua natureza mutável indica, sempre encontrando novos meios de comunicar e expressar sua verdade em tudo o que cria, e isso é o que somos convidados a fazer neste momento: dominar nossos pensamentos e fazer com que desçam para o tangível, porque tudo o que construímos em nossas mentes já existe em uma dimensão diferente, em uma constituição diversa do nosso destino humano.

Mercúrio, o regente de Gêmeos, fará um sextil com Netuno, trazendo unificação entre o nosso plano mental e o espiritual, ao transmitir nossos pensamentos e sentimentos apenas quando eles surgirem de um lugar de clareza e amor. Esta também é uma oportunidade para aqueles que estão prontos para se comunicar de novas maneiras, em vez de utilizar as interações físicas, por comunicação telepática, entre muitos outros meios, é a forma como o cosmos e seus muitos seres têm para interagir conosco, fazendo deste momento uma oportunidade perfeita para nos abrirmos para receber aquilo que vai nos conferir poder e ajudar-nos em nossa jornada, daqueles que já trilharam esse caminho de cocriação consciente e de unificação.

Gêmeos representa nossos aspectos prateados e dourados (femininos e masculinos), e como eles, que se abraçam em uma dança equilibrada e rítmica de Amor e Unicidade, também somos convidados a sintetizar ambos os nossos aspectos – responsáveis pelo modo como criamos, damos e recebemos abundância em todas as suas formas.

Visto que também temos Mercúrio no signo terreno de Touro, é uma confirmação para que possamos trazer à manifestação todas as visões e novas ideias que temos acerca de nossas novas vidas. Lembrem-se, amados, estamos aqui para dominar a arte de trazer para a forma aquilo que foi criado primeiramente nos mundos energéticos, e, portanto, não-físicos, e é somente como humanos que conseguimos fazer isso. Visto que temos não apenas o Sol e a Lua em Gêmeos, mas também Marte, temos a energia extra para nos desprogramar das crenças auto impostas e dos padrões repetitivos – começando a remover de nosso plano mental e emocional todo o velho que ainda está reticente em partir.

Vocês estão purificando-se dos detritos emocionais, pensamentos enfraquecedores e velhos eus que ainda estão tentando controlar a pessoa capacitada em que vocês se tornaram? Se for isso, eis uma dádiva cósmica com essa Lua Nova, e ainda mais com as energias da última Lua Cheia escorpiônica, que ainda está nos banhando, para que vocês trabalhem na reconexão do DNA e na integração da alma.

Gêmeos, sendo um signo mutável de ar, é mental, intelectual e prático, mas, ao mesmo tempo, gosta de brincar e de se socializar, portanto é essencial aproveitar essa alegre e tranquilizante Lua Nova, principalmente após uma Lua escorpiônica de liberação tão intensa, e incorporar a vitalidade geminiana. Por ser este um momento de se estar alegre, com amor, e ver tudo e todos dentro do Amor Divino, assim como Gêmeos, estamos sempre nos acolhendo mutuamente em um eterno abraço de unicidade.

Visto que Gêmeos rege a comunicação, somos todos convidados a observar o modo como falamos conosco e com os demais. Vocês falam a si e aos outros a partir de um lugar de respeito e bondade? Ou ainda o fazemos a partir de um lugar de apego e necessidade de obter algo em troca? Na maioria dos relacionamentos, as pessoas ainda esperam algo em troca, se elas se comportam com amor, como se o amor exigisse algo de volta. Outras vezes, nos falamos e nos tratamos de modo negativo, e mesmo que esperemos o macro, o que pensamos que esteja fora de nós, mas isso não é nada senão uma representação externa do micro interno, portanto, respondam de maneira diferente.

Nosso eu humano teme o amor incondicional. Teme estar plenamente aberto a tudo e a todos, porque se sente vulnerável com a liberdade que o verdadeiro amor pratica, uma vez que nesta Nova Era não fazemos nada mais para os outros, se não estivermos alinhados com o caminho de nossa Alma, tampouco os forçamos nos velhos modos a fazer algo por nós, igualmente. Pelo contrário, tanto damos como recebemos e criamos como iguais, porque não estamos mais promovendo o velho senso de separação ou de necessidade a que estávamos acostumados, quando navegávamos através das dimensões inferiores.

Existem muitas pessoas que estão ávidas para ter uma conexão superior com outros seres do Universo. Eles não percebem que a primeira e mais importante comunicação é aquela que temos com os nossos próprios Eus Unificados, porque todos esses seres com quem estamos tão ansiosos para entrar em contato, toda a orientação externa que desejamos receber, tudo se origina de nosso Eu Unificado, sob a forma de eus do passado, presente ou futuro paralelo, experimentando outra realidade na Criação. Na verdade, algumas pessoas tendem a adorar deuses externos, mas quando elas finalmente adorarão o seu deus interno?

Durante essa Lua Nova, vamos ter a oportunidade de receber os aspectos superiores da Verdade, quando a Lua fizer uma semi-quadratura com Pallas e Vênus, ambos em conjunção no signo de Áries. As transmissões cósmicas fluirão, neste momento de Lua Nova, o que é importante é como utilizamos essa orientação, que não tem que vir de uma fonte externa, porque o conhecimento interior é na maioria das vezes a melhor orientação, visto que é informação, e, portanto, poder. Nós a utilizamos para compartilhar o amor com os demais? Ou a utilizamos para manipulá-los? A escolha é sempre sua, e cada escolha é extremamente respeitada, porque não existem julgamentos na Criação, uma vez que o Universo sabe que tudo serve para nosso crescimento e expansão.

É exatamente a informação que traz conscientização e liberdade – liberação de nosso velho eu – mas que temos que ser muito cautelosos e perspicazes acerca de onde vem essa orientação, antes de trazer nossos pensamentos para o tangível, porque nem tudo o que se diz ser verdade, é realmente, por isso é que somente por meio do conhecimento interno podemos ser alcançados em um profundo estado de comunhão com a nossa alma, é que podemos distinguir, principalmente neste momento de transição em que estamos sendo bombardeados com canalizações e muitas meias-verdades, em que colocamos nossa atenção/intenção e força interna, pois, dependendo do uso que vocês fizerem dela, vai criar, destruir ou ceder o seu poder aos outros para controlá-los.

Essa Lua Nova é uma dádiva para que possamos estabelecer uma forma mais elevada de comunhão e interação com aquele nosso aspecto que é a nossa principal Fonte de Sabedoria e que temos, às vezes, deixado de lado, devido aos muitos preconceitos e falsas idealizações de outros seres, acreditando que eles sejam mais do que nós, apenas porque trilharam o nosso caminho antes.

Diz-se que essa Lua Nova não tem grandes aspectos celestiais, mas todos sabemos que nada é menor no Universo, porque tudo é igualmente importante e afeta o todo. É por isso que temos essa Lua Nova expansiva em Gêmeos, em conjunto com as estrelas fixas. As Hyades – um grupo de seis estrelas da Constelação de Touro – e Mirfak, uma estrela mensageira, que se diz que traz uma forma superior de comunicação e orientação do macro que nos representa.

As Hyades, as chamadas Estrelas da Chuva, porque se diz que elas avisam aos marinheiros acerca das tempestades vindouras, são associadas ao elemento água, uma vez que foram também relacionadas, nos tempos antigos, com as lágrimas e a negatividade. Como eu sempre digo, a natureza dessas estrelas fixas – assim como a sua essência – apenas é. É a nossa mente humana que precisa rotular constantemente o que somente pode ser sentido. Nada neste sábio e amoroso Universo se relaciona com lágrimas ou alegria ou qualquer coisa em particular, porque tudo é o Amor Divino, em movimento, expandindo-se em um Universo já infinito.

Essa Lua Nova é realmente uma dádiva cósmica para que possamos nos lembrar de onde vêm a orientação verdadeira e a comunicação autêntica. As conexões criativas somente ocorrem quando cocriamos conscientemente com o nosso Eu Unificado, bem como com os outros eus que estão nos ajudando nesta jornada, começando por manter uma comunicação saudável com nós mesmos, que é o que vai nos capacitar a nos alinhar com o fluxo criativo universal – o que nos permite manifestar e nos expandir a partir de um espaço unificado em vez de um espaço de separação. 

Com amor e luz infinitos
Natalia Alba.
Direitos Autorais:
Tradução de Ivete Britoadavai@me.com – www.adavai.wordpress.com

Por que os Devotos de Krishna Não Comem Alho e Cebola?

Por que os Devotos de Krishna Não Comem Alho e Cebola?Kurma Dasa




Kurma Dasa, o mais famoso cozinheiro do movimento Hare Krishna e estrela do programa Cooking with Kurma, responde à pergunta.

“Por que os devotos de Krishna não comem alho e cebola?”. Essa é uma das perguntas mais comuns feitas a mim. Aqui está a minha resposta curta: como um devoto de Krishna e praticante de bhakti-yoga, eu não como alho nem cebola porque eles não podem ser oferecidos a Krishna.
Aqui está a minha resposta mais longa: você talvez saiba que a cebola e o alho são membros da família botânica aliáceos (alliums) – juntamente com o alho-poró, cebolinha e chalotas.
Segundo o ayurveda, a ciência médica clássica da Índia, os alimentos são agrupados em três categorias – sattva, rajas e tamas, respectivamente “bondade”, “paixão” e “ignorância”. Cebola e alho, e as outras plantas aliáceas, são classificadas como rajas e tamas, o que significa que aumentam a paixão e a ignorância.
Aqueles que se submetem a cozinhar ao puro estilo brahmana da Índia, entre os quais me incluo, e vaishnavas – seguidores do Senhor Vishnu, Rama e Krishna – gostam de cozinhar apenas com alimentos da categoria sattva. Esses alimentos incluem frutas frescas, legumes e ervas aromáticas, produtos lácteos, grãos, legumes e assim por diante. Especificamente, vaishnavas não gostam de cozinhar com alimentos rajásicos ou tamásicos porque eles não podem ser oferecidos à Divindade.
Alimentos rajásicos e tamásicos também não são usados porque são prejudiciais para a meditação e atividades devocionais. “Alho e cebola são rajas e tamas e são proibidos aos yogis porque enraízam a consciência mais firmemente no corpo”, diz Dr. Robert E. Svoboda, famosa autoridade no ayurveda.

Kurma Dasa, autor deste artigo e o mais famoso chef do Movimento Hare Krishna.

Alguns ramos da medicina ocidental dizem que os alliums têm benefícios específicos à saúde; o alho é respeitado, pelo menos nos círculos médicos alopatas, como um antibiótico natural. Nos últimos anos, embora as implicações dos resultados cardiovasculares do allium vegetal tenham sido estudadas com algum detalhe, as implicações clínicas do consumo da cebola e do alho a partir deste ponto de vista ainda não são bem compreendidas.
No entanto, ainda há muitas coisas negativas a se dizer sobre o alho e a cebola. Pouco conhecido é o fato de que o alho no estado bruto pode carregar nocivas (potencialmente fatais) bactérias do botulismo. Talvez tenha sido com consciência disso que o poeta romano Horácio descreveu o alho como “mais prejudicial do que cicuta”.
Deve ser salientado que o alho e a cebola são evitados pelos espiritualistas porque estimulam o sistema nervoso central e podem perturbar votos de celibato. O alho é um afrodisíaco natural. O ayurveda sugere que é um tônico para a perda de potência sexual por qualquer motivo, debilidade sexual, impotência por excesso de vida sexual e esgotamento nervoso decorrente de hábitos sexuais dissipativos. Afirma-se que é especialmente útil para os idosos com tensão nervosa e diminuição da potência sexual.
Os taoístas perceberam há milhares de anos que as plantas da família aliácea eram prejudiciais para os seres humanos em seu estado saudável. Em seus escritos, o sábio Tsang-tsé descreveu os alliums como “os cinco vegetais perfumados ou picantes” e disse que cada um tem um efeito negativo sobre um dos seguintes cinco órgãos – fígado, baço, pulmões, rins e coração. Respectivamente, as cebolas são prejudiciais para os pulmões, o alho para o coração, alho-poró para o baço, cebolinha-capim para o fígado e cebolinha comum para os rins.

Tsang-tsé disse que esses vegetais pungentes contêm cinco tipos diferentes de enzimas que causam “hálito repugnante, odor extremamente desagradável no suor e movimentos do intestino, e levam a ocupações lascivas, aumentam a agitação, ansiedade e agressividade”, especialmente quando consumidos crus.

Coisas semelhantes são descritas no ayurveda. “Além de produzir hálito e odor corporal, essas plantas (aliáceas) induzem irritação, agitação, ansiedade e agressividade. Assim, são prejudiciais física, emocional, mental e espiritualmente”.
De volta à década de 1980, em sua pesquisa sobre o funcionamento do cérebro humano, o Dr. Robert [Bob] C. Beck descobriu que o alho tem um efeito negativo sobre o cérebro. Ele constatou que o alho de fato é tóxico para o homem porque seus íons de hidroxila sulfona penetram a barreira hemato-encefálica e são tóxicos para as células do cérebro.
Beck explicou que, desde os anos 50, sabia-se que o alho reduz o tempo de reação de duas a três vezes quando consumidos por pilotos em testes de voo. Isso ocorre porque os efeitos tóxicos do alho “dessincronizam” as ondas do cérebro.
Precisamente pela mesma razão, a família de plantas do alho tem sido amplamente reconhecida como sendo prejudicial aos cães.
Mesmo quando o alho é usado como alimento na cultura chinesa, é considerado nocivo para o estômago, o fígado e os olhos, bem como causa de tontura e de energia dispersada quando consumidos em quantidades imoderadas.
Nem sempre o alho é visto como tendo propriedades totalmente benéficas na culinária e na medicina ocidental. É amplamente aceito entre os profissionais de saúde que, além de matar bactérias nocivas, o alho também destrói as bactérias benéficas, que são essenciais para o bom funcionamento do sistema digestivo.
Praticantes de Reiki explicam que alhos e cebolas estão entre as primeiras substâncias a serem expulsas do sistema de uma pessoa – juntamente com o tabaco, álcool e medicamentos farmacêuticos. Isso torna evidente que aliáceos têm um efeito negativo sobre o corpo humano e devem ser evitados por razões de saúde.
A medicina homeopática chega à mesma conclusão quando se reconhece que a cebola vermelha produz uma tosse seca, olhos lacrimejantes, espirros, corrimento nasal e outros sintomas familiares relacionados com o frio quando consumidos.
Estas são apenas algumas das razões para eu evitar alho-poró, cebolinha, alho e cebola.
.


Fonte: www.pax.org.br     -    pax@pax.org.br

22/05/2017

Conexão da Semana: O Caminho da Luz


Conexão da Semana: O Caminho da Luz 
 
A conexão desta semana fala sobre estatutos. No entanto, o verdadeiro significado, por trás do texto, está relacionado à uma escolha que temos que fazer todos os dias de nossa vida, entre nos aproximarmos ou nos distanciarmos da luz. Não há meio termo. São decisões nossas, muitas vezes imperceptíveis, mas que com o passar do tempo, somadas umas as outras, acabam por definir a realidade na qual vivemos.
A Cabala ensina que a cada vez que optamos pelo egoísmo e por focar a parte negativa das coisas, colocamos pesadas nuvens entre nós e a luz que alimenta a nossa alma. Isto se acumula, até que chega o momento em que não conseguimos mais enxergar a Luz.

Por outro lado, sempre que optamos por uma visão mais positiva e alegre da realidade, e abandonamos os nossos sentimentos de mágoa, descobrimos uma nova lógica de existência e que pode nos levar à uma nova experiência de uma vida iluminada.

Nesta semana procuramos ficar mais atentos, para que todos os dias, todas as horas, todos os minutos, possamos escolher o caminho da Luz!

Shalom!

Atenção: Nosso novo livro: "Cabala, Meditação e Cura" será lançado oficialmente nos dias 29 e 31 (SP e RJ). Mas já está nas livrarias. Trata-se de um grande guia de orações, meditações e rituais e traz muita luz para o nosso mundo!  A seguir a mini-aula.

[]s Ian Mecler.

21/05/2017

Bamidbar: O Poder da Unidade






Bamidbar: O Poder da Unidade

Estamos separados para podermos encontrar a unidade.

Somos diferentes para que possamos escolher a harmonia.

Somos variados para que possamos descobrir as muitas formas de surpreendentemente sermos iguais.

Esta semana, lemos a porção Bamidbar, o primeiro capítulo do livro de Numerus. Consta desta história que os israelitas foram contados, ou "numerados". Porque haveria o Criador de pedir para saber quantos seguidores tinha? Afinal, ele é o Criador. Não saberia ele, na sua omnipresença? Felizmente, temos o Zohar para lançar alguma Luz sobre este assunto.

Foram contadas 600 mil almas. Assim como havia 600 mil quando eles estavam no Egipto, e 600 mil quando eles vagueavam no deserto. E havia quantas quando entraram na terra de Israel? Adivinharam! 600 mil.

Mas como podia ser isto? Aconteceu tanta coisa entre cada um destes períodos; alguns morreram, bebés nasceram, e no entanto o número não muda. O Zohar revela que 600 mil é o número de centelhas da Luz do Criador que foram espalhadas em todas as almas aqui na terra. Há biliões de pessoas neste planeta, muitas das quais partilham a mesma centelha que eu ou você. (Por falar nisso, quando conhece alguém e instantaneamente sente uma atração ou uma conexão de alma com ela, este é muitas vezes o motivo).

Não é coincidência que toda a Torah tenha exatamente 600 mil palavras. Se uma única letra de uma dessas palavras estiver em falta, tal invalida a Torah inteira. O que está a Torah a tentar ensinar-nos?

Todos fazemos parte da força divina conhecida como a Luz da criação. Podemos parecer fragmentados, no entanto estamos todos unidos no nosso âmago. Tal como cada letra da Torah tem um propósito, o mesmo se passa com cada pessoa. E esse propósito é ajudarmo-nos uns aos outros. Pois é apenas através das nossas forças combinadas - com a união de todas as nossas centelhas - que perfazemos a soma que dá o todo. É por isto que respeito mútuo e dignidade humana por todas as pessoas , mesmo por aquelas cujos modos são diferentes dos nossos, é tão importante.

É suposto sermos diferentes, é suposto sermos variados, e ainda assim agirmos como UM.

Esta é uma semana poderosa para praticar Unidade. Isto não significa que temos que ser os melhores amigos de toda a agente. Não precisamos de dar todos as mãos e cantar o kumbaya. Apenas precisamos de estar cientes do valor de cada um, do valor de cada centelha, que é única em si mesmo. Todos temos pessoas que nos apertam os botões, talvez até nem saibamos porque, mas há algo neles que nos irrita, não é verdade? Bom, esta é uma boa semana para fazer algo de simpático por essas pessoas. Convidem-nos para um café, ou ajudem-nos com o trabalho. Deixem anonimamente qualquer coisa especial na sua secretária.

Estas podem parecer coisas pequenas, mas é com pequenas gentilezas que construímos pontes onde antes havia muros. É assim que ficamos mais unidos, mais inspirados, e todos um dias um centímetro mais perto de uma mundo mais em paz.

Desejo uma abençoada semana,

Karen

Se você receber este e-mail de um amigo e gostaria de subscrever : clique aqui










COMO VOCÊ CHEGOU AQUI - PRINCIPAIS EVENTOS QUE LEVAM AO AGORA.


COMO VOCÊ CHEGOU AQUI
PRINCIPAIS EVENTOS QUE LEVAM AO AGORA
Mensagem de Selácia
17 de Maio de 2017

Alguma vez você já se perguntou como você nasceu nestes tempos cruciais e auspiciosos?

Igualmente importante: Você já pensou sobre os eventos que colocaram em movimento as circunstâncias de vida fortuitas que teria nesta vida? Continue a ler para entender melhor como você chegou aqui, e os potenciais para esta vida, colocados em movimento há muito tempo.


HORA DE LEMBRAR

Nosso mundo está em agitação agora, com acontecimentos súbitos e intensos se revelando regularmente. Simultaneamente, a humanidade está em um modo de despertar acelerado. Nós acabamos de passar por outro limiar de energia no Wesak, também, catalisando grandes mudanças na consciência e trazendo à luz novas informações.

Seu Eu Superior tem uma sabedoria sobre estes tempos e a sua jornada pessoal, de alguma forma, foi predestinada por causa de suas experiências passadas na Terra. É o momento de se sintonizar com esta sabedoria – hora de lembrar os eventos fundamentais que levam ao agora.

Enquanto as coisas ao seu redor se tornam mais intensas, você se beneficiará ao aprender mais sobre o seu papel mais amplo para estar vivo agora. É muito mais do que o seu trabalho ou outros papéis tradicionais.

Uma maneira de começar a entender a grande cena de seu ser aqui, agora, é explorar partes principais da jornada de sua alma. Estas incluem vidas de ponto de ignição que aceleraram o seu despertar.

Muito provavelmente, pelo menos uma destas vidas de ponto de ignição ocorreu na antiga Lemúria, na Atlântida ou no Egito. Nestas civilizações, você pode ter dominado múltiplas habilidades e recebido ensinamentos sagrados envolvendo a natureza da vida e da vida após a morte. Uma lembrança do que você aprendeu está ainda em seu DNA hoje.

Outro tipo de vida passada de ponto de ignição é aquela em que você teve a sorte de estudar com um grande mestre espiritual. Tudo o que você aprendeu, então, se tornou sementes para a sua iluminação ao longo do tempo, e levando a hoje.

TRÊS COISAS PARA TER EM MENTE

Aqui estão três coisas para ter em mente enquanto você contempla como chegou aqui e o que as suas vidas passadas de ponto de ignição significam para você hoje.

PRIMEIRO, saiba que houve uma intrincada orquestração de muitos eventos que levaram ao seu ser na Terra agora. Não pense excessivamente nisto, mas compreenda que estar vivo agora é muito proposital.

SEGUNDO, embora seja importante viver no presente, você se beneficiará ao estudar a História – da Terra, as mudanças sociais e algumas de suas vidas fundamentais que abriram o caminho para o seu ser aqui, hoje.

TERCEIRO, saiba que todas as suas vidas antes – incluindo aquelas de ponto de ignição – levaram a sua atual encarnação. Isto inclui o tempo e o lugar onde você nasceu, e as circunstâncias gerais de sua família e educação.

Considere isto. Você não queria perder esta vida, com os seus potenciais e oportunidades. Você queria estar aqui para si mesmo, mas, também, queria vir ajudar o mundo a despertar. Você, em algum nível, sabia que ao despertar, o seu progresso ajudaria os entes queridos e, na verdade, o mundo inteiro.

Isto realmente é o que acontece. Sua energia mais iluminada se torna uma luz brilhante para os outros. Esta luz sai através do tempo e espaço de uma maneira quântica. Não subestime o poder desta luz de tirar o mundo da escuridão.

Por favor, respeite os créditos ao compartilhar

DE CORAÇÃO A CORAÇÃO - http://www.decoracaoacoracao.blog.br
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO - https://lecocq.wordpress.com
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
Grata Regina!

LUZ!
STELA

20/05/2017

O EFEITO VEGA

O EFEITO VEGA 
Por Alexandrian Kosmos

“Em 15 de maio de 2017, nossa Presença 5a.D estará recebendo um grande impulso da próxima Fase da Mãe Terra, projetada para guiar toda a forma de Vida sobre ela na completa plenitude da experiência - a Fase de aumento do "Efeito Vega". O Efeito Vega da Mãe Terra tem origem no Evento Final de toda a Transição da Quinta Dimensão...”

Até que a "Grande Fusão" da Vibração da Frequência da 4a.D da da Mãe Terra finalmente termine em 27 de dezembro de 2018, cada Alma na Terra estará experimentando episódios intermitentes de realidades conflitantes.

Enquanto a maioria das Almas na Terra ainda estará experimentando uma "repetição" aparentemente contínua da Vibração da 4a.D da Mãe Terra na experiência de cada momento, alguns irão realmente experimentar a completa plenitude da Frequência Vibratória da 5a.D da Mãe Terra, já que as Energias do Universo não são para prejudicar, tendenciosas, ou mesmo dedica tratamento preferencial a qualquer um - as Energias do Universo estão simplesmente manifestando a Presença Divina do EU SOU em cada pulsação do Tempo.

A única diferença entre aqueles que experimentarão a completa plenitude da 5a.D da Mãe Terra e aqueles que experimentam uma "repetição" de sua 4a.D origina-se na permissão que concede ao seu Eu Interior. Se alguém honrar seus pedidos de Coração e Alma, será bom.

Caso contrário, negligenciar o coração e a alma só servirá para oferecer uma experiência que imita um contínuo "carrossel" girando, ou seja, até que finalmente perceba que eles têm o poder de dizer "Eu quero sair” - simplesmente declarando, queridos, - todas as Almas agora presentes na Terra escolheram o Eu Superior para experimentar a Frequência Vibratória da 5a.D da Mãe Terra, mas dependerá da mente consciente de cada Alma decidir quando sairão do "carrossel " de uma vez por todas!

Durante o período da "Grande Fusão", de 19 de abril de 2017 a 27 de dezembro de 2018, a maioria das Almas estará experimentando uma "realidade mista" da antiga Frequência Vibratória da 4a.D da Mãe Terra e sua nova Frequência Vibratória da 5ª.D.

O fator mais influente que contribui para a experiência da realidade será determinado pela frequência vibratória interna que será escolhida pela mente consciente para se alinhar com - a competição, a comparação, o julgamento e o medo da 4a.D, ou a Luz, Amor, Harmonia e Alegria!

Nossa experiência dentro da 5a.D da Mãe Terra ainda será inicialmente muito parecida com tentar algo novo pela primeira vez.

Alguns vão ser levados para a nova experiência muito rapidamente, enquanto outros vão parar e hesitar em considerar suas opções.

A maioria, entretanto, ignorará completamente a experiência nova, como se fosse totalmente inconsciente de uma Presença de seus próprios coração e alma!

Os dias da "Grande Fusão" da Vibração da 4a.D da Mãe Terra estão servindo apenas para uma única finalidade, queridos, - guiar cada Forma de Vida na Terra para a completa plenitude da experiência da 5ª.D!

Nossos dias de experimentar uma "realidade mista" continuarão por apenas um pouco mais, mas não por muito tempo, já que há muitas Almas na Terra ainda necessitam Despertar para a Presença de seu próprio Coração e Alma.

Seu Despertar não virá instantaneamente - pois primeiro elas devem perceber que a Mãe Terra tem um programa/um calendário para cumprir com o Universo!

Em 15 de MAIO de 2017, nossa Presença da 5a.D estará recebendo um grande impulso da PRÓXIMA FASE da Mãe Terra, projetada para guiar toda a forma de Vida sobre ela na completa plenitude da experiência da 5a.D - a fase de aumento do "Efeito Vega"!

O Efeito Vega da Mãe Terra tem origem no Evento Final de toda a Transição da 5ª.D, quando a Mãe Terra deslocou a localização física do seu Pólo Geomagnético da região norte do Canadá para a Turquia Oriental para se alinhar harmoniosamente com sua nova Estrela de Veja, na Constelação de Lyra. (que aconteceu de 15 a 17 de março de 2017)

A estrela Vega do Polo Magnético da Mãe Terra está funcionando atualmente para aumentar o fluxo da frequência vibratória da 5a.D do Universo dentro dela enquanto sua frequência vibratória de 4a.D anterior ESTÁ SENDO DIFUNDIDA AGORA ATRAVÉS DE SEU NOVO POLO OPOSTO NA ÁREA DO SUDOESTE DO OCEANO PACÍFICO.

Essencialmente, nossa Presença de 5a.D está se manifestando através do processo interno da Mãe Terra para deslocar seus ímãs internos para alinhar com sua nova Estrela de Vega - O Efeito Veja.
O Efeito Vega, queridos, acabará por levar a muitas mudanças físicas em nosso futuro muito próximo. 

O mais importante será as mudanças físicas que a Mãe Terra produzirá a partir de 25 de abril de 2020 até 29 de março de 2042 para manifestar, carregando seu corpo inteiramente novo de 5ª.D.

A única escolha da Humanidade agora será evoluir com ela ou não juntar-se a ela!

O Efeito Vega sobre a Mãe Terra se tornará ainda mais pronunciado em 25 de Setembro de 2017 e 23 de Dezembro de 2017, quando a Mãe Terra fizer seus últimos dois ajustes internos antes que ela comece o processo de inicialização levando à manifestação de seu novo Corpo de 5a.D em 25 de abril , 2020.

Nossos dias na Terra, de 15 de maio de 2017 a 25 de abril de 2020 serão marcados com muitos dias de atividade climática extraordinariamente anômala. 

Isso tudo estará ocorrendo para produzir apenas um resultado final - a manifestação de todo o processo que leva à ReCriação da Mãe Terra para a 5ª.D.

Enquanto a maioria da Humanidade ainda estará esperando, implorando e orando por um retorno ao "triunfo" entendido nas mensurações do passado, o "triunfo" na 5a.D da Mãe Terra estará evoluindo através do Efeito Vega!

O triunfo na 5a.D da Mãe Terra só será alcançado se alguém honrar os pedidos de seu Coração e Alma, pois somente os valores instilados dentro de seu Coração e Alma transcenderão e se misturarão com a Luz, Amor, Harmonia e Alegria!

O Efeito Vega está servindo para avançarmos em apenas uma direção, queridos, uma Realidade para experimentar a completa plenitude da Frequência Vibratória da 5a.D da Mãe Terra! 

Conflitar e lutar com o próprio Coração e Alma será lutar contra a própria existência de alguém, e muitos o farão!

O último lugar de residência da Frequência Vibratória da 4a.D da Mãe Terra estará dentro de nossas próprias memórias. Será desafiador e exigente para nossas mentes conscientes, assim como para nossos Corações e Almas, quando as coisas parecerem estar se desintegrando de uma só vez.

Não haverá ninguém e nada para nos guiar, exceto nossos Corações e Almas! Nossos Corações e Almas estão preparados para experimentar a completa plenitude da Frequência Vibratória da 5a.D da Mãe Terra, queridos.

Precisamos apenas começar a nos familiarizar com o Efeito Vega e os incríveis e maravilhosos resultados que produziremos na Luz, Amor, Harmonia e Alegria da 5ª.D da Mãe Terra.

Quanto mais você se familiarizar com o efeito Vega em sua própria vida, mais você terá dentro de você para ensinar, guiar, demonstrar e ser modelo para os muitos outros armazenando memórias de um passado vago agora indisponível, exceto em uma batalha contra a sua própria Nova existência.

"A Grande Fusão" da Frequência Vibratória da 4a.D da Mãe Terra estará sobre nós de 19 de abril de 2017 até 27 de dezembro de 2018.

Sua presença não será vista nem ouvida, nem pode ser tocada, provada ou farejada . Somente os efeitos secundários serão vistos, ouvidos, tocados, provados e farejados através do seu Caminho para decrescer a presença da 4a.D de todas as formas de Vida na Terra. 

O Efeito Vega cuidará dela e do seu resultado final - uma Realidade onde cada Alma se une à nossa Família da 5a.D para experimentar a completa plenitude da Frequência Vibratória da 5a.D da Mãe Terra!

Recebi de Regina Carneiro

16/05/2017

A INSPIRAÇÃO DA HUMANIDADE

A INSPIRAÇÃO DA HUMANIDADE
Por Owen Waters

O universo é projetado para ser reflexivo. Tudo o que você manifestar, voltará a você. Isto é chamado de Lei da Ação e Reação, a Lei do Karma, ou como é simplesmente referido ao usar a frase: “O que vai, volta.”

No entanto, no trabalho espiritual, há uma maneira de aumentar o que vem por aí.
O que vem pode realmente retornar como mais do que você deu, e isto envolve um paradoxo.

Em suas práticas espirituais, você pode gerar um profundo sentimento de paz e de inspiração, podendo trazer para si mesmo uma maravilhosa sensação de elevação espiritual. Por exemplo, em sua meditação, você pode ficar inspirado por uma visão de um mundo futuro cheio de paz e de liberdade para todos.

Você pode ver, no olho de sua mente, um mundo futuro onde todos no planeta estão seguros, e onde você pode viajar para qualquer lugar no planeta com facilidade. Neste futuro, você vê que todos estão conscientes da sua conexão do coração com o coração de cada ser humano no planeta. Neste ambiente de apoio, todos têm completa liberdade para expressar a sua exclusiva criatividade como a sua contribuição para uma sociedade amorosa.

Quando você respira profundamente o ar puro e fresco nesta visão do futuro, você sente a sua conexão com a Mãe Terra e com o Sol, doador da vida, que brilha incessantemente em seu mundo. Então, envie o seu amor e gratidão à Terra e ao Sol, e espere em silenciosa expectativa, enquanto estes seres grandes e conscientes enviam em troca, o seu amor e inspiração para você.

Enquanto estiver neste estado de profunda inspiração, ocorre-lhe que a maior parte da humanidade precisa desesperadamente deste tipo de elevação, que a maior parte das almas neste planeta hoje está passando fome, em uma disposição desnorteadora espiritual e autocriticada. Isto lhe traz a percepção de que você tem a oportunidade de ser útil à humanidade através de um ato de autossacrifício, através de um ato de dar aquilo que você tem, a fim de ajudar outros que, de outra forma, não seriam ajudados.

Enquanto neste estado, o sentimento do amor incondicional que você tem pela humanidade praticamente lhe implora que ajude aqueles que ainda não estão preparados para fazer isto por si mesmos. Se você entregar agora este estado, esta energia, este sentimento de inspiração à consciência de grupo da humanidade, então terá criado um vácuo dentro de si mesmo.

Através da Lei da Ação e Reação, este vácuo deve ser preenchido. Entretanto, um ato de autossacrifício em serviço aos outros tem um efeito colateral. Ele eleva a frequência de sua consciência ainda mais do que antes. Assim, quando o vácuo fica preenchido com inspiração e elevação do universo, é preenchido com uma frequência da consciência ainda mais elevada do que antes.

Por causa disto, você se tornará mais elevado e inspirado do que antes.

Através do ato de sacrificar aquilo que você tinha, você realmente irá ganhar mais do que tinha antes.

Este é o paradoxo do amor em ação.

É também a base do antigo caminho do Karma Yoga – o caminho para Deus através da ação e serviço.

Ao dar a energia espiritual à humanidade, você trilha um caminho de ação espiritual. Este poderoso caminho de dar o que você tem, a fim de inspirar outros, é aquele que o leva a estados continuamente mais elevados de inspiração ao longo do seu próprio caminho espiritual.

Por favor, respeite os créditos ao compartilhar
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO - http://www.decoracaoacoracao.blog.br
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO - https://lecocq.wordpress.com
Tradução Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
Grata Regina!
LUZ!
STELA

EU ME MANTENHO SAUDÁVEL

EU ME MANTENHO SAUDÁVEL
Mensagem de Louise Hay
15 de Maio de 2017

“Seus pensamentos e crenças do passado criaram este momento e todos os momentos até agora. O que você está agora escolhendo acreditar, pensar e dizer irá criar o próximo momento, o próximo dia, o próximo mês e o próximo ano.” – Louise Hay


Assim, muitos têm medo de envelhecer e de parecerem velhos. Nossa sociedade nos convence de que envelhecer é terrível e desinteressante. Eu discordo. O envelhecimento é um processo normal e natural da vida. Se tivermos medo de envelhecer prematuramente e não conseguirmos aceitar a nossa criança interior em qualquer idade, se não pudermos estar à vontade com quem nós éramos e quem somos, como poderemos aceitar a próxima etapa da vida?

“Sou grata pelo meu corpo saudável. Eu amo a vida.” – Louise Hay

Se você não envelhecer, qual é a alternativa?
Você deixará o planeta.

Como uma cultura, nós criamos o que eu chamo de “Adoração à juventude”. É muito bom e está bem em nos amarmos em certas idades, mas por que não podemos nos amar em qualquer idade? Iremos eventualmente passar por todas as fases da vida, e cada fase é maravilhosa. Cada idade é uma nova aventura.

Posso entender que não queremos envelhecer e ficarmos doentes, assim, vamos separar estas duas ideias. Não vamos imaginar ou nos vermos doentes, como uma maneira de morrer. Pessoalmente, eu não acredito que temos que fazer a transição com a doença. Em vez disto, quando for a nossa hora de partir, quando tivermos realizado o que viemos aqui fazer, poderemos tirar um cochilo, irmos para a cama à noite e partirmos em paz.

Eu aprendi que o envelhecimento prematuro começa em sua mente. Li algo há algum tempo que me intrigou. Foi um artigo sobre uma escola de medicina em São Francisco que tinha descoberto que a maneira como envelhecemos não é determinada pelos genes, mas por algo que eles chamam de ponto de ajuste do envelhecimento – um relógio biológico que existe em nossas mentes.

Este mecanismo realmente monitora quando e como começamos a envelhecer pela forma com que pensamos. O ponto de ajuste ou relógio do envelhecimento é regulado em grande parte por um fator importante: nossas atitudes em relação ao envelhecimento.

Por exemplo: Se você acredita que 35 anos é a meia-idade, esta crença aciona mudanças biológicas em seu corpo que o levam a acelerar o processo de envelhecimento quando você chegar aos 35 anos. Não é fascinante? Em algum lugar, de alguma forma, decidimos o que é a “meia-idade” e o que é o “envelhecimento”.

Onde você está determinando este ponto de ajuste do envelhecimento dentro de você?

Eu tenho esta imagem em minha mente que eu viverei mais de 96 anos e estarei ainda ativa, assim, é muito importante que eu me mantenha saudável.

Com amor,

Louise

Por favor, respeite os créditos ao compartilhar
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO - http://www.decoracaoacoracao.blog.br
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO - https://lecocq.wordpress.com
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
Grata Regina!
LUZ!
STELA

15/05/2017

CONEXÃO DA SEMANA: PARE


 Conexão da Semana: Pare   

O cabalista vive seis dias de uma maneira, e o sétimo de um modo bastante distinto, porque sabe que é preciso uma pausa para re-avaliar e começar de novo, com nova inspiração.

É sobre esta oportunidade  muito luminosa que a Torá nos fala esta semana. Sobre a possibilidade que temos de interromper  o "fazer" compulsivo e re-avaliar o sentido de nossa existência. Vivemos tão apressados e cheios de objetivos que não conseguimos parar, e portanto, também não conseguimos re-começar.

É preciso parar, perder a pressa, refletir e, principalmente, respirar.

Experimente isto nesta semana. Sempre que puder, pare um pouco e esvazie. Somente assim é possível despertar para uma nova vida.

Shalom!

Atenção: O curso de Árvore da Vida online está pronto. Grande oportunidade para quem deseja aprofundar no caminho e ingressar no mundo dos 100%. A seguir a mini-aula da semana.


[]s Ian Mecler.