Rieu

07/07/2015

E se os espíritas estiverem com a razão?



De maio de 1998, HOJE (junho de 2015)
NO BLOG DO NÚCLEO ESPÍRITA DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO


Curso de Pós-graduação em Microbiologia da Faculdade de Ciências Médicas da UERJ


E se os espíritas estiverem com a razão?
Advogam que são inúmeras as evidências científicas sugestivas de imortalidade e reencarnação e que devemos estudá-las para não sermos considerados indigentes culturais, diante dos alunos de graduação da universidade de Colúmbia ou da Geórgia.
Problemas éticos podem ser resolvidos pela estatística, como a questão da adesividade de bactérias às células do hospedeiro? Ou, será a ética de ordem qualitativa? A base da legislação para todos os cidadãos é a ética? Estado é apenas o centro legislador para todos os cidadãos? O aborto situa-se no campo ético que é competência do Estado?
Se uma pessoa em potencial (feto) ainda não é uma pessoa podemos recomendar o aborto? uma pessoa sem potencial (“paciente terminal”) não é mais uma pessoa, então podemos pensar em eutanásia ?
Texto elaborado para discussão com alunos do Curso de Pós-graduação em Microbiologia da Faculdade de Ciências Médicas da UERJ, em maio de 1998.
Publicado no Boletim - Sociedade Brasileira de Microbiologia - Notícias, 21: 3-4, julho, 1998.)
Texto completo

2 comentários:

  1. O homem perde tempo e oportunidade de aprender devido ao preconceito.
    Seja livro para estudar, refletir e decidir.
    Marcos Fonseca

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo plenamente com você. Grata

      Excluir